domingo, 12 de dezembro de 2010

Cuidado olhinho com o que vê, pais muito cuidado e atenção com o computador

Tudo o que seu filho quer é achar um joguinho legal do "Ben 10", da Barbie ou do seu desenho favorito, ele coloca apenas o nome dos personagens na busca e....
Pode encontrar muita pornografia!

É muito importante que seu pc tenha filtros para eliminar ao máximo as chances do seu filho ter contato com esse tipo de coisa, e mesmo assim pode acontecer, pois muitas pessoas compartilham até em redes sociais esse tipo de imagem.




Meu sobrinho gosta muito do Ben 10 e estava procurando imagens do desenho quando fiquei horrorizada com o que vi: Os personagens desenhados em cenas pornográficas por adultos devassos que ao meu ver beiram a doentes, pois afinal, vamos ponderar:

-Ben 10 é um desenho para crianças pequenas, na faixa etária dos 3 a 9 anos de idade, e não desenho adulto, porque homens adultos se interessam em ver um desenho infantil com personagens que também são jovens de uma forma pornográfica? Porque fariam isso?
Seriam eles pedófilos com desejo de ver um desenho infantil praticando atos obscenos, personagens crianças em práticas proibidas, ou o desejo é de atrair o publico infantil com essas imagens?
Não que isso seja uma acusação, mas uma ponderação de qual seria a motivação de transformar e usar um desenho inocente dessa forma.
Com isso e muito mais que a gente vê por aí, concluo que o mundo está perdido mesmo, e que a internet está praticamente dominada, não consegui nem postar as fotos aqui pois o conteúdo era muito forte.


Escrevo esse post para alertar os pais que mesmo quando seu filho não tem intenções erradas, e está procurando algo inocente para se divertir, e que faz parte do mundo dele, próprio para a sua idade, ele pode encontrar coisas inapropriadas e que chamam a sua atenção.

-Busque ter filtros anti-pornografias.
-O acompanhe e fique de olho enquanto ele estiver "explorando" a internet e brincando no computador.
-Converse com ele de forma saudável e no momento certo sobre questões sexuais, afinal, a curiosidade uma hora chega, a escola tem "passe livre" hoje para abordar o que quiser e da forma como quiser, e ele precisa ter um referencial do correto que é sua obrigação de pai fornecer.



sábado, 16 de outubro de 2010

"O que Deus não vai te perguntar" Reflexão, leia e compartilhe

O que Deus não vai perguntar
Deus não vai perguntar que tipo de carro você costumava dirigir...

Mas vai perguntar quantas pessoas que necessitavam de ajuda você transportou.

Deus não vai perguntar qual o tamanho da sua casa...

Mas vai perguntar quantas pessoas você abrigou nela.

Deus não vai fazer perguntas sobreas roupas do seu armário...

Mas vai perguntar quantas pessoas você ajudou a vestir.

Deus não vai perguntar o montante de seus bens materiais...

Mas vai perguntar em que medida eles ditaram sua vida.

Deus não vai perguntar qual foi o seu maior salário...

Mas vai perguntar se você comprometeu o seu caráter para obtê-lo.

Deus não vai perguntar quantas promoções você recebeu...

Mas vai perguntar de que forma você promoveu os outros.

Deus não vai perguntar qual foi o título do cargo que você ocupava...

Mas vai perguntar se você desempenhou o seu trabalho com o melhor de suas habilidades.

Deus não vai perguntar quantos amigos você teve...

Mas vai perguntar para quantas pessoas você foi amigo.

Deus não vai perguntar o que você fez para proteger seus direitos...

Mas vai perguntar o que você fez para garantir os direitos dos outros.

Deus não vai perguntar em que bairro você morou...

Mas vai perguntar como você tratou seus vizinhos.

E te pergunto:

Qual será sua resposta?

terça-feira, 12 de outubro de 2010

No dia dos pais, não brinque de "vaca amarela" com seus filhos


Sei que feriado é um ótimo dia para descansar e dia dos pais, os pais querem mesmo sossego, mas não é isso que um pai deve fazer!
Hoje é dia de levá-los para tomar sorvete, brincar no parquinho, dar banho no cachorro juntos, contar uma histórinha na cama, andar de mãos dadas pela rua, enfim, se mostrar PAI de verdade!
Não deixem seus filhos sozinhos no video-game, ou em um parque com monitoras, não deixem seus filhos brincarem sem vcs, participem da brincadeira!
Passe um dia maravilhoso em família e depois me diga se não terá valido a pena...
Solte pipa juntos, tomem banho de mangueira no quintal, brinquem de cabaninha, duro ou mole, criança precisa de contato, aconchego, estímulos...
Aproveite e volte você a ser criança!


sexta-feira, 8 de outubro de 2010

Regrinhas básicas para imprimir e colocar no quarto das crianças!

Para ajudar na explicação de uma regra para crianças, nada melhor do que usar imagens que sejam bem explicativas e fixem melhor a ideia na mente dos pequenos....quem assiste "Super Nanny" já está acostumado com elas e com o método de aplicação, então, deixo aqui algumas regrinhas super bacanas pra vc imprimir e colar no quarto da criança, vejam:










Tenho certeza que valerá a pena! Não se esqueça que existe dedicação por parte dos pais também, não existe mágica. Você pode utilizar o método de cantinho da disciplina caso seja necessário, utilize as imagens para ensinar e advertir as crianças, e se não adiantar então aplicar a disciplina.
Deixe um canto separado para isso evitando sofá, cama, mesa do jantar, banheiro, quintal, pois esses lugares devem ser lugares bons para ele, procure apenas um lugar de transição como corredor, escada ou canto de um cômodo utilizado por todos.
Ah e não se esqueça: O que mais ensina é o exemplo, as regrinhas tb devem valer para os adultos!


retirado DAQUI

domingo, 19 de setembro de 2010

Ensinando a graça de Deus ás crianças


 Conduzir, mostrar, indicar, construir, semear e formar Cristo Nelas!!!!!




Os pais, a igreja, o povo cristão na maioria das vezes se preocupam somente ou principalmente em passar o que está escrito na bíblia para as crianças; Narram as histórias e se esquecem (ou supõem) que as crianças são muito imaturas para entenderem as coisas espirituais que as contém.

Sabemos que a letra só, pode matar, mas o Espírito vivifica, e eu acredito que isso (não isoladamente) faz a diferença para que tantos filhos de cristãos cresçam em um lar cristão, na igreja, mas quando atingem a adolescência ou se tornam adultos simplesmente somem e abandonam tudo, indo para um mundo de devassidão e todo mundo fica abismado, dizendo: -Mas esse menino não cresceu dentro da igreja?! Ele sabia de cor todos os versículos, as músicas, como pode agora agir desta maneira?

Eu te respondo: há um grande chance de ele apenas ter conhecido a Letra; Recebeu sempre a palavra como "logos" porque ninguém se preocupou em ensinar a palavra revelada, não se preocuparam em fazer ele entender o "rhema" contido em cada caractere bíblico, do qual sabemos que há.

Ele ouviu muito do amor de Deus, mas não pôde senti-lo no ambiente familiar e como igreja. Explicaram a ele como era o mar, mas não tiveram a capacidade de o levar para conhecer de verdade.

Aí, querido pai ou professor, eu te pergunto:


  • Quantas vezes você já contou a história de Caim e Abel, Adão e Eva, Abraão e Isaac, Noé, Jesus, os 5 pães e 2 peixinhos, a páscoa para as crianças?

Talvez a resposta seja: "Muitas"


  • Mas e quantas vezes você se preocupou em passar a verdade revelada de Deus sobre essas coisas? Nós sabemos que tudo o que se passou eram apenas sombras das coisas grandiosas que viriam através de Jesus, a resumir: O amor, o perdão, a salvação e a graça que temos Nele. Será que você não está só mostrando sombras e ocultando os fatos? Você sabia que isso é uma forma de negligência ao pregar o evangelho?

Vou dar um exemplo que irá ilustrar muito bem como precisamos alimentar corretamente nossas crianças:



Todos tem fome de Deus.... muitos não sabem, mas TODOS tem. E o evangelho de Cristo é a coisa mais saborosa que podemos provar nessa vida; Quando você alimenta seu filho, você mostra somente a sombra da comida que fez ou você dá a comida substancial? É claro que você dá a comida, pois sabe que se ele não se alimentar pode ficar doente ou até morrer de fome.
E é isso que acontece com muitas crianças: Elas tem recebido somente a sombra da comida espiritual e ficam fracas, doentes e morrem de fome! Ele não recebeu alimento, apenas viu a sua sombra e com isso, passa a viver mais frustado ainda com "tudo aquilo que ofereceram para ele" e passa a buscar algo porque estão morrendo de fome, mas vão procurar em outro lugar, já que nunca recebeu o que saciasse sua fome ali onde sempre esteve.

Você já impactado e pronto para "aprender a ensinar"?

Então segue um texto interessante que mostra bem o que Deus quis nos dizer com: "Ensine o seu filho no caminho em que deve andar e ele jamais se desviará dele.



* O que é Educar?

Educar, como tantos acreditam, não é ministrar conteúdos. É, antes de tudo, despertar aptidões naturais nas pessoas e orientá-las, aprimorando-lhes as faculdades intelectuais, físicas e morais.  
Por isso, o artigo de hoje reflete o significado de quatro palavras importantes, que só ganham sentido quando trabalhadas no processo educacional, partilhadas na instituição da família e ancoradas pelo corpo social: ensinar, formar, educar e instruir. O educar se constitui no processo onde a criança ou o adulto convive com o outro. E, ao conviver com o outro, se transforma, espontaneamente, com um modo de viver mais harmônico, com o seu espaço e o espaço do outro. E esse conviver se aprende na família e na escola. Depois disso é a vida real, com os “casos” e “acasos”a educação humana tem como fundamentos a prática dos valores universais: verdade, retidão, paz, amor e não-violência. É um processo que não se esgota nas paredes das salas de aula, transcende os muros de uma escola.

Educar = Conduzir

A palavra educar, presente em português e em castelhano, é registrada no séc. XVII. Aparece em francês no séc. XIV, como éduquer. Do latim educare, forma derivada de educere, contém a idéia de conduzir.

*transporte seu filho até Jesus com seus exemplos, com uma rotina onde Deus faz parte da sua vida e família, mostre que o pilar da boa família é Ele e por isso precisamos estar perto Dele

Instruir = Construir, semear

A palavra instruir, do latim instruere, surge em português no séc. XVI. Em francês, instruire entrou no vocabulário no séc. XII, na forma enstruire, cujo final sofreu a influência de construire. A palavra chegou ao latim com uma raiz indo-européia, significando semear, lançar grãos ao solo, estender. Daí vieram, também, outras palavras, como construir, que originalmente significava semear coletivamente. A palavra instruir, uma das mais antigas para indicar o processo pedagógico, carregando o belo significado original de semear, evoluiu, na contemporaneidade, para treinamento de atividades mecânicas e repetitivas. Mas instruere ressurge em construir, isto é, semear coletivamente. Esta é a palavra que nos últimos tempos tem sintetizado e veiculado as posições pedagógicas mais avançadas.

*Semeie a palavra e também o bom comportamento, a bíblia mesmo diz que tudo o que semearmos, colheremos, seja um bom tutor, ame e demonstre o amor, construa a confiança em vc e em Deus dentro das crianças

Formar = Colocar no molde, formar dentro da ideia

A palavra formar, registrada no francês do Séc. XII, former, e no português do Séc. XIII, veio do latim formare, verbo que remete ao substantivo forma, ou seja, fôrma, molde. Essa palavra formar guarda um significado concreto, mas alcança, também, um registro abstrato, de natureza filosófica, que nos lembra Platão, ou melhor, a tradução latina (forma) do grego eidós, por sua vez ligado a idéia. E no seu sentido mais nobre, polido, evoca o processo de fazer aflorar o conhecimento, como sugere Platão.

*Coloque a ideia de seguir a Cristo dentro do seu filho, e coloque ele dentro da forma de Cristo... ensine-o desde cedo a amar, respeitar e perdoar, a abrir mão de coisas em favor do outro, não há nada mais cristão do que essas coisas, fazendo isso estará moldando seu filho na forma de Cristo.

Ensinar = Mostrar, indicar, designar o caminho

A palavra ensinar surgiu no Séc. XI, na língua francesa enseigner e, no Séc. XIII, na língua portuguesa, vindo do latim insignare, que significa indicar, designar, marcar com um sinal. Ao tempo que pode transmitir uma idéia de imposição, pode, por outro lado, indicar o nascimento do caráter do estudante, uma vez que, em grego, sinal é Karakter. Assim, a escola é o lugar onde a intervenção pedagógica intencional desencadeia o processo ensino-aprendizagem, na moldagem da cidadania.
*texto retirado DAQUI

*Vá indicando o caminho, não com migalhas de pão, mas com atitudes e também com declarações claras do que ele deve fazer, se você não indicar, pode ser que não encontre, se você não designar pode ser que ele não faça, e se você não mostrar o caminho certo e estreito, pode ser que alguém mostre o largo, que conduz a perdição.


  • Lendo atentamente o significado dessas palavras podemos ver o quanto temos errado ao ensinar, educar, instruir e formar Cristo nelas.... pois é esse o nosso objetivo: 


 Conduzir, mostrar, indicar, construir, semear e formar Cristo Nelas!!!!!


Não é fazer com que decorem versículos, saibam todos os cânticos mas é conseguir passar o amor de Deus e sua graça para as crianças.
Devemos olhar as crianças como olhamos para todos: Somos cristãos e temos o entendimento de quê todos precisam da graça de Deus e sempre tentamos transmitir o amor de Deus para essas pessoas, e a salvação que recebemos em Cristo, é só fazermos isso com as crianças também!

Quando formos ensinar algo bíblico as crianças, temos que ter a lembrança firme de que estamos ensinando Deus, então precisamos passar uma mensagem de amor, de salvação, fazer aflorar dentro da criança o sinal de "conhecimento e aprendizado" e não somente forçar de forma mecânica conhecer a "letra", mas faze-los entender desde cedo os planos de Deus para o homem, o relacionamento que Deus quer ter com eles e que é através da palavra que Ele faz isso.


E acima de tudo, se apliquem em passar com as suas atitudes cotidianas o caráter de Cristo, não as impeças de chegarem até Cristo com as suas atitudes erradas, com o descaso e omissão, mas levem elas até Jesus, ensinem o caminho que devem andar, ensinem que Ele é o caminho que vocês percorrem e que querem que eles também percorram, mas não somente com palavras e sim com atitudes, pois criança aprende por assimilação, e você é o agente de Deus mais próximo dessa criança na Terra, que elas possam te seguir, seja um exemplo, pois isso é o que ensina!



Pense nisso:

Jesus faz questão de receber as crianças, e você faz questão de que sua criança se achegue a Jesus?


Qual a palavra que a bíblia usa quando se dirige a um pai a respeito do seu filho?
*"Inculcar" a palavra de Deus nos seus filhos e isso não significa somente memorizar, mas significa "fazer entrar dentro do seu íntimo"
*"Ensinar" o caminho, sabemos que essa palavra não é somente falar do caminho, mas significa "mostrar e indicar, se necessário marcar com sinal o caminho certo"

Um exemplo de um bom ensinamento para crianças é essa música do Diante do Trono que busca falar do amor de Deus e é com ela que termino esse post:

Jesus deixou toda Sua glória,
Veio ao mundo como homem pra nos salvar!
Viveu aqui e conheceu nossas dores,
Mas tudo Ele sofreu e venceu em nosso lugar
Pra nos mostrar que o criador, o único Deus,
Nos ama e deseja restaurar.
Seu perdão vai além dos céus,
Nenhum monte é tão alto,
Nenhum vale tão profundo como o amor do nosso Deus!
Grande, tão grande, alto, tão alto!
Fundo, profundo, é maior que o mundo,
Mas é pequeno, cabe lá dentro
Do coração de quem se entrega ao Salvador.
Jesus deixou...
Grande, tão grande, alto, tão alto!
Fundo, profundo, é maior que o mundo,
Mas é pequeno, cabe lá dentro
Do coração de quem se entrega ao Salvador.
Você também, meu amigo,
Precisa abrir o seu coração
E receber o amor de Deus,
Se entregando a Jesus.
Grande, tão grande, alto, tão alto!
Fundo, profundo, é maior que o mundo,
Mas é pequeno, cabe lá dentro
Do coração de quem se entrega ao Salvador.
Grande, tão grande, alto, tão alto!
Fundo, profundo, é maior que o mundo,
Mas é pequeno, cabe lá dentro
Do coração de quem se entrega ao Salvador.
Seu perdão vai além dos céus,
Nenhum monte é tão alto,
Nenhum vale tão profundo como o amor do nosso Deus!

sexta-feira, 27 de agosto de 2010

Pedofília: Você combatendo esse mal



Esse é um assunto muito delicado, porque na maioria das vezes a criança sofre violência sexual dentro de casa, por familiares próximos... mas também pode acontecer em qualquer lugar, na escola, casa do vizinho, casa do amigo e etc.

Pais e professores que lidam diariamente com as crianças devem estar atentos, e qualquer coisa que indique um sintoma ou suspeita, você deve investigar melhor, e quando tiver suspeitos mais claros, denunciar.


Nunca queira você mesmo resolver a situação, procure pessoas capacitadas para isso, não podemos nos esquecer que no meio de tudo isso já se tem uma criança assustada, a coisa precisa ser tratada da forma correta para não agravar o problema.

Antes de tudo isso e acima de tudo isso, você deve buscar sempre a direção de Deus, orar pela vida dos pequenos, pedir proteção, saber prevenir e ter sabedoria!


Definição :Pedofilia é o desvio sexual "caracterizado pela atração por crianças ou adolescentes sexualmente imaturos, com os quais os portadores dão vazão ao erotismo pela prática de obscenidades ou de atos libidinosos"


Entenda a gravidade do problema:



  • Provavelmente alguma criança que você conhece já foi vítima de abuso.
  • a cada 8 minutos uma criança é vítima de abuso sexual no nosso país (declarado em 2006 S.E.D.H.P.R., hoje esse número pode ser maior)
  • 71% dos casos são intra-familiares (44% pai, 17% padrasto, 10% tio)
  • 40% dos abusos acontecem com violência física.

Indícios corporais: 



  • Enfermidades psicossomáticas
  • Doenças sexualmente transmissíveis
  • Dor e lesões na área genital ou anal
  • Incontinência fecal, constipação
  • Roupas íntimas rasgadas, sujas de sangue ou com sinais de secreções estranhas
  • Lesões corporais (pelo uso da violência física)





Indícios comportamentais:


  • Medo do escuro e de lugares fechados ( algo que se for isolado é comum ás crianças pequeninas)
  • Mudança súbita e inexplicável de comportamento (principalmente se for na presença de determinada pessoa, ou em determinado local)
  • Comportamento auto-destrutivo
  • Dificuldade de concentração no aprendizado
  • Regressão e comportamentos infantis
  • Relacionamentos e conversas permeadas em segredos
  • Interesse ou conhecimento súbito e exagerado sobre questões sexuais
  • Resistência em querer voltar a determinado local ou ver determinada pessoa (inclusive a sua própria casa, ou seu próprio quarto)
  • Abatimento profundo, depressão
  • Aparente medo de pessoas, falta de coragem de se comunicar, de olhar nos olhos, de ficar em algum lugar sozinho com alguém, insegurança profunda.

Porque a criança quase nunca toca no assunto?



  • Porque ficam com vergonha que o próprio abusador coloca na mente da criança, fazendo ela se sentir culpada, cúmplice, que de certa forma ela consentiu e quis, que os pais não vão acreditar ou ficarão com nojo da mesma.
  • Porque  o abusador manipula e persuade a criança, confundindo o certo com o errado, oprimindo com ameaças e chantagens
  • Outros envolvem a criança emocionalmente, dizendo que faz tudo por amor, amor que as pessoas não entendem, que é apenas carinho ou uma simples brincadeira.
  • Muitas crianças são novas demais para entenderem que aquilo é abuso sexual.


Minimizando os riscos das crianças serem vítimas de abuso:



  • Fique sempre atento e por dentro das atividades dos seus filhos, aonde será, com quem irão, farão o que, e sempre quando voltarem, perguntar com quem estava, o que fez, dando continuidade aos acontecimentos, ajude seu filho a lembrar com "Você foi sentado lá no banco de trás com quem?, foram direto para tal lugar? Comeram alguma coisa? E depois disso? Quem estava lá? Você se divertiu? Alguém brigou com você?" e etc...! O "e depois disso?" faz com que a criança conte tudo sem pular espaços de tempo entre uma coisa e outra.
  • Monitore o uso da internet, se ele faz uso das redes de relacionamento é ideal ficar de olho em todos os amigos, o que eles compartilham, de qual comunidade ou grupo fazem parte.
  • Na idade apropriada, converse com a criança e exponha á ela que um adulto não deve interagir com ela de tal forma, indique as partes do seu corpo que não devem ser tocadas, diga a ela o que fazer caso alguém tente algo semelhante.
  • Lembre-se: quase sempre o abusador é de confiança dos pais, você pode não acreditar, mas sim, ele esconde muito bem.


Está com suspeitas de que uma criaça próxima de você está sofrendo abuso?



  • Não fique bravo com ela ao tocar nesse assunto, não demonstre qualquer desconfiança sua no seu filho, e nem desconverse caso por algum momento a criança queira tocar nesse assunto: Se ela quer se abrir com você, pode ser que ela confie somente em você e em mais ninguém, ela acredita que você é a única que pode ajuda-la não tire seu corpo fora.
  • Não desencoraje a criança em nenhum momento da conversa com frases, gestos ou palavras que possam levá-la a ficar envergonhada.
  • Não duvide inicialmente, se interesse, não faça perguntas a ela como se você quisesse dizer que ela está mentindo.
  • Caso ela abra o caso, não faça perguntas muito específicas e detalhadaas, pois podem alterar a lembrança daquilo que realmente aconteceu, e se a criança estiver traumatizada ela pode lembrar somente de poucas coisas e de um curto espaço de tempo. Faça perguntas do tipo "O que aconteceu depois?" ao invés de "E por quanto tempo isso aconteceu?" 
  • Leve a um médico para ser examinada para comprovar as suspeitas do abuso sexual consumado.
  • Se você acredita que ela ainda não foi violentada sexualmente mas está sendo explorada, leve a um psicólogo.
  • Faça a denúncia: Agindo rápido (mas não equivocadamente) é possível proteger não só uma, mas tantas outras crianças que poderiam cair nas mãos do pedófilo.
  • Exija da escola uma política específica de prevenção de abuso sexual e apoie leis de proteção a infância.


Para fazer a denúncia, dique 100 ou vá ao conselho tutelar de sua cidade!!!


O que a bíblia nos diz a respeito da pedofília?


Em 1º lugar, a bíblia não é um livro específico sobre leis morais, embora ela contenha muitas, mas é um livro onde Deus tem o intuito de se relacionar com o homem, mostrando todo seu amor e seu maravilhoso plano de salvação para a humanidade.
Portanto, ela não fala diretamente sobre pedofília, mas fala sobre muitas coisas que coíbem praticas imorais e sem amor.
Se o homem amar a Deus sobre tudo e amar o próximo como a si mesmo, jamais cometeria os pecados que cometem, principalmente com uma criança inocente.

Como diz o texto chave do blog: Deixem vir a mim os pequeninos, não os impeçais, Jesus estava pedindo para que nós não coloquemos nenhum tipo de impedimento fisico ou psicológico ás crianças, mas que façamos elas se achegarem a Deus.
Nos tempos bíblicos  existiram civilizações que ofereciam suas crianças para um Deus chamado "Moloch" no qual sacerdotes desse deus tinham relacionamentos sexuais com as crianças e logo depois as queimavam vivas como sacríficios a esse deus, Deus, com insistência condenou tal prática entre os judeus, pediu que de maneira nenhuma eles se contaminassem com tal prática, e deixou bem claro que era uma prática abominável!
Portanto, esse mal é antigo, e praticamente todos os pecados já existiam desde a antiguidade e Deus sempre os condenou.
A bíblia também deixa claro que somos escravos do que praticamos, e Deus avisa para "Caim" tomar cuidado com os intentos do coração para que não se deixasse dominar pelo mal, se você permitir que esse tipo de pensamento escabroso entre em você, você poderá se afundar nisso! Se você pensa ou sente que teria prazer com essa prática rejeite esse pensamento, procure ajuda, antes que seja tarde!


Pais: orem com seus filhos, peça proteção de Deus, mas também não seja omisso, seja participativo na vida do seu filho, o proteja, fique atento, ensine-o a se proteger e confiar em você para que seja capaz de te pedir ajuda caso seja necessário!

Filhos: obedeçam seus pais, não façam nada escondido, não dê ouvidos a quem quer te convencer a fazer coisas erradas, busquem seguir o que diz as escrituras, não ande em caminhos tortuosos e não se calem, com certeza você tem alguém em quem confiar e poder se abrir.

Pedófilos: Se arrependam e deixem esse caminho Mal-di-to! O inimigo cauterizou a sua mente até agora, te levando a uma prática esvaziada de bem, maligna, a ponto de você não conseguir ver a gravidade de suas ações. Você está destruindo uma vida, o emocional de uma criança inocente, alguém que Deus colocou no mundo para ser amada, cuidada, protegida, você está causando traumas gigantes na vida dessa criança, e se você for o pai dela, pior ainda, você está tirando toda referência saudável de amor, segurança, confiança e respeito que ela terá das pessoas e principalmente de Deus.
Mude seu caminho, se arrependa, procure ajuda imediata e se renda a Deus, pois Deus pode te restaurar, Jesus pagou um alto preço para resgatar a todos das trevas, você só precisa se render, parar de pecar e procurar se redimir. Sempre há tempo de se salvar e abandonar o pecado, por isso se arrependa.



obs: muitas das informações contidas nessa matéria eu tirei de uma cartilha feita por um vereador chamado Carlos Bezerra Jr, fique bem claro, não estou fazendo propaganda política, mas tenho que dar os devidos créditos de informação)


segunda-feira, 2 de agosto de 2010

Teatro para dia dos pais: pais segundo o coração de Deus

Esse teatro encontrei no blog: " Amor em ensinar" fiz algumas pequenas alterações e adaptações e quero compartilhar com vcs, porque é realmente muito lindo, com certeza levará toda a igreja a uma reflexão do que é ser um pai segundo o coração de Deus


PAIS SEGUNDO O CORAÇÃO DE DEUS!
Um lindo teatro para os dia dos pais, para ser passado para toda igreja, com o objetivo de despertar os corações dos pais á serem homens e pais segundo o coração de Deus, e servir de exemplo para os filhos!



Narrador:
A bíblia conta a história de pais que ensinaram através de suas atitudes e que com certeza marcaram a vida dos seus filhos. Pais que no passado ensinaram princípios valiosos e eternos e que ainda hoje podem inspirar à muitos pais;
Vamos nos lembrar de alguns desses pais do passado e ver o que eles podem nos ensinar:



1° personagem travestido de Abraão e com uma placa em suas mãos escrito o seguinte:

ABRAÃO = PAI DA FÉ





1° personagem:

Sou Abraão, fui chamado para ser pai de uma grande nação! Essa foi a promessa de Deus para minha vida! Depositei toda minha fé na pessoa de Deus, por isso sou conhecido como pai da fé! Sempre procurei obedecer a Deus, mesmo quando Ele me pediu que Lhe oferecesse aquilo que eu mais amava: meu filho Isaque.



Narrador:
É verdade, veja o que a bíblia diz sobre Abraão:
(Hebreus 11:17) - Pela fé ofereceu Abraão a Isaque, quando foi provado; sim, aquele que recebera as promessas ofereceu o seu unigênito.

(Hebreus 11:18) - Sendo-lhe dito: Em Isaque será chamada a tua descendência, considerou que Deus era poderoso para até dentre os mortos o ressuscitar;
Hoje, como antes, os filhos precisam de pais que depositam sua fé em Deus e que apresentem uma fé inabalável como a de Abraão e que não se cansam de fazer o bem;






2° personagem entra vestido de Jacó e com uma placa em suas mãos escrito o seguinte:


JACÓ = PAI DE AMOR





2° personagem:

Sou Jacó, como eu amei meu filho José! Amei todos os meus filhos, mas o amor com que amei José, deixou marcas profundas em seu caráter! Fez dele um homem íntegro e vencedor!
Narrador:
Veja o que a bíblia diz sobre o relacionamento e o tratamento de Jacó para com José:
(Hebreus 11:21) - Pela fé Jacó, próximo da morte, abençoou cada um dos filhos de José, e adorou encostado à ponta do seu bordão.
Jacó foi um pai cheio de amor e presente, muitos pais fazem isso, mesmo quando estão cansados, eles ainda acham tempo para estar com seus filhos e escutar suas histórias, enxugar suas lágrimas, ouvir suas queixas e brincar com eles;
Com certeza, esses filhos serão sempre gratos por todo o amor que receberam e  demonstrarão em suas atitudes a gratidão por seus atos;



3° personagem entra vestido de Anrão e com uma placa em suas mãos dizendo o seguinte:

                          ANRÃO = PAI QUE PROTEGE


3° personagem:
Sou Anrão, fiz tudo para proteger meu filho Moisés da lei terrível de Faraó; Essa lei exigia que matássemos os meninos que nascessem, mas eu e minha esposa Joquebede, o colocamos dentro de um cesto dentro do rio Nilo.



Narrador:
Veja o que a Bíblia nos conta sobre essa história:
(Êxodo 2:1) - E FOI um homem da casa de Levi e casou com uma filha de Levi.

(Êxodo 2:2) - E a mulher concebeu e deu à luz um filho; e, vendo que ele era formoso, escondeu-o três meses.

(Êxodo 2:3) - Não podendo, porém, mais escondê-lo, tomou uma arca de juncos, e a revestiu com barro e betume; e, pondo nela o menino, a pôs nos juncos à margem do rio.
Para uma criança, a proteção de um pai significa muito; Muito mais ainda para uma criança indefesa como Moisés. A preocupação desse pai não foi em vão.
Pai, através de você que se preocupa com o bem estar de seus filhos, Deus dará á ele tudo o que ele precisa: abrigo, calor e alimento.






4° personagem entra vestido de Noé e com uma placa em suas mão dizendo o seguinte:


NOÉ =PAI DE EXEMPLO






4° personagem:
Sou Noé! Quem diria que tudo acabaria assim, quanta água viria! Ninguém acreditou, somente eu e meus filhos; E eles tinham motivos para crer. Procurei ser para eles um exemplo de homem justo, íntegro e que andava com Deus. Meus filhos acreditaram no que eu disse, porque me conheciam e sabiam que eu sempre falava a verdade.



Narrador:
Veja o que a bíblia diz sobre Noé:
(Gênesis 6:8) - Noé, porém, achou graça aos olhos do SENHOR.

(Gênesis 6:9) - Estas são as gerações de Noé. Noé era homem justo e perfeito em suas gerações; Noé andava com Deus.
Como é bom ver que o pai faz a diferença em seu lar! Pai você pode ser um exemplo forte a cada dia na vida dos seus filhos;
Tudo o que você faz e fala é observado pelos seus filhos, basta que você veja como seus gestos, palavras e ações são repetidos pelos seus filhos. Você é o espelho da vida para eles;



Narrador:
Pais, vocês possuem essas qualidades?
Cheio de fé?
Ama seus filhos e demonstra com atitude e palavras?
Protege e cuida dos seus filhos?
É um exemplo que pode ser seguido por seus filhos?



Deus quer te dar a graça de ter todas essas qualidades com pai.
Que a cada dia você direcione os passos dos filhos nos caminhos eternos do nosso Pai!
Que você possa ser para seus filhos espelho refletindo a face de Pai do nosso Deus, na vida deles, mostrando todo o amor com que Ele nos amou.
E que verdadeiramente, nesse seu dia, seus filhos possam dizer:
PAI VOCÊ É UM PAI SEGUNDO O CORAÇÃO DE DEUS!
Outra dica legal: pode-se trocar os personagens, colocar os filhos desses herós como os personagens da história, contando segundo a visão de filho, como seus pais foram para eles e como isso impactou suas vidas.
-->
-->



-->

segunda-feira, 21 de junho de 2010

Dinâmica para trabalhar em sala de aula: A palavra se revela a nós.

Atividade a ser desenvolvida com crianças de 06 a 12 anos de idade;

Objetivo: Fazer com que a criança entenda que a bíblia se abre para nós quando nós nos abrimos para ela.
  
Material:

uma folha de papel
uma copo com água
canetinha hidrocor
tesoura
régua
Como fazer?

Na folha de papel, faça o desenho de uma estrela de cinco pontas que caiba dentro do copo com água. Com a canetinha, escreva no meio da estrela um versículo, evangelístico.
Dobre as cinco pontas da estrela para dentro.
  Peça para todas as crianças ficarem atentas ao que vai acontecer, perguntar a elas, quem se interessa a descobrir o que está escrito lá! Que é uma coisa escrita especialmente para cada uma delas e peça para que eles coloque na água.
Em alguns segundos, surpresa!
As pontas vão se abrir.

Trabalhe o amor de Deus por nós, deixando sua palavra para nós, mas que ela é como um mapa do tesouro, onde nós precisamos andar sempre com ele nas mãos, para não se desviar do caminho certo, e que quando nós nos abrirmos para a palavra de Deus, o tesouro escondido vai ser revelado a nós!!!


tempo da dinâmica: aproximadamente 20 minutos.

quinta-feira, 10 de junho de 2010

Família, criando raízes fortes!

Uma pesquisa da Universidade de Columbia nos Estados Unidos publicada na famosa revista Time demonstrou que partilhar o pão e conversar produzem efeitos maravilhosos nas pessoas.
O resultado das pesquisas: quanto mais refeições em família, menos os filhos fumam, bebem, se drogam, ficam deprimidos ou desenvolvem problemas alimentares e mais se dão bem na escola, comem alimentos saudáveis , atrasam a iniciação sexual e enriquecem o vocabulário.

Porque?
Comer é a origem da sociabilização. Em torno da mesa as crianças aprendem, por exemplo, que seu prato preferido não será servido todos os dias - uma lição sobre a necessidade de ceder e chegar a denominadores comuns, que vale para todas as esferas da vida.
Comer sentado é aprender cultura. Uma refeição é um momento para se discutir sobre projetos, falar da vida. Se a família se dispõe a isso, é sinal de que há preocupação com cada membro do grupo. Cada um se sentirá valorizado pelo convite.

Pais, Valorizem esse momento precioso com seus filhos e toda a família!
É o momento de educá-los, ouvi-los, de rir com eles, compartilhar ideias, pensamentos, de cumplicidade, formar o caráter, demonstrar o quando a família é importante e o quando se amam!
Mostre a importância de cada um deles nesse momento, queira saber das coisas que são interessantes para seus filhos, busque não falar de assuntos que não são pertinentes no momento, não brigue, não discuta, e não se esqueça de agradecer a Deus em família, pelo alimento e pela união.

sábado, 1 de maio de 2010

Poesia para as mamães, dia das mães!


Ser Mãe....


É sempre está cansada

De nunca ficar parada

De ter sempre o que fazer

É engolir quase inteiro

É não demorar no banheiro

E se aprontar sem se ver

É acordar de madrugada

E não dormir quase nada

Se um filho (a) adoecer

De novo ler histórinha

Os contos da carochinha

Para o filho(a) adormecer

É inventar pratos mil

Se um filho(a) com fastio

Inventar de não comer

É estudar outra vez

Todo o curso que fez

Para o filho(a) aprender

Outra vez brincar de roda

E estar dentro da moda

Quando a filhinho(a) crescer

É ouvir música chata

E querer as serenatas

Que só lhe dão prazer

É curtir uma quadrilha

Quando então é seu(sua) filho(a)

Que vai dançar pra valer

Ser Mãe...

É virar uma semente

Pra viver novamente

Quando o filhinho(a) nascer.

domingo, 18 de abril de 2010

quinta-feira, 8 de abril de 2010

Revelando-se como um verdadeiro filho de Deus para os seus filhos!

Porque a criação aguarda com ardente expectativa a revelação dos filhos de Deus.
Romanos 8: 19
Toda a criação, aguarda com expectativa a sua manifestação como filho de Deus!
É claro que o apóstolo Paulo, está falando, da nossa aguardada redenção, da nossa glória futura a ser revelada;
Mas podemos afirmar, toda a criação de Deus o adora, e eu creio que espera no seu íntimo, ver o homem se manifestar da maneira que Deus deseja: como seu filho! como luz do mundo e sal da terra!
Todo o mundo espera isso!
E seus filhos também!
Eu te pergunto, vc se manifesta com um legítimo filho de Deus, para seus filhos?
Ou vc age com imprudência e falta de reverência a Deus dentro de sua casa?
Ás vezes um pastor, um homem de Deus, se manifesta perante toda a sociedade como um verdadeiro filho de Deus, mas em sua casa age como um tolo!
Muitas mulheres se comportam como boas irmãs em Cristo, como boas mulheres para seus maridos, mas se esquecem de serem sábias também com seus filhos!
Devemos ser espelhos da glória do nosso Deus, perante nossos filhos, assim construiremos um lar onde Deus realmente é o Senhor de tudo e de todos!
Se ensinarmos nossos filhos no caminho em que se deve andar, jamais se desviarão!
Mas não é somente com palavras, sermões e correções que se ensina uma criança, mas com o amor de Deus manifesto em nós, e com atitudes condizentes com nossas palavras!
pense nisso...
VOCÊ SE MANIFESTA COMO VERDADEIRO FILHO DE DEUS PARA COM SEUS FILHOS???